Estranho no jantar

Eu estava jantando com os dois e tinha um homem, bem mais velho que eu, puxando conversa com eles da mesa ao lado. Só o fato de ele estar chamando a atenção dos meus filhos enquanto eu queria conversar com eles e enquanto eu queria que eles comessem direito já estava me incomodando, mas eu estava tentando não ser chata e não olhar torto.

– Qual o nome, quantos anos, que time vocês torcem, que gostam de fazer, que estão comendo. – moço, é tanto trabalho pra ensinar crianças a não falar com estranhos, porque infelizmente isso pode ser perigoso, e você estava definitivamente me irritando e atrapalhando nosso jantar.

Aí vem a pérola:

– Não vão comer muito pra não engordar. Deixa eu ver sua barriga. E a sua. Agora a sua, mamãe.

Isaac foi mais rápido que eu, que estava com um palavrão na ponta do língua:

– Minha mãe não vai mostrar a barriga dela pra você porque é particular.

Impressionante como tem homem que faz nossa fé na humanidade evaporar. Mais impressionante ainda é como Isaac é sensível e maduro quando preciso dele. Obrigada, pequeno.

Anúncios

Um pensamento sobre “Estranho no jantar

  1. Que sensacional o Isaac!

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: