Padrasto

Padrasto é um cara que começou a sair com uma mãe solteira. Ele provavelmente soube que ela era mãe solteira logo nos primeiros encontros, porque mãe solteira é assim: já abre logo o jogo para espantar os possíveis pregos que existem por aí. Esses pregos existem, tá? Já ouvi de amigos meus que é sempre melhor sair com moça sem “pacote”. Direito deles. Então, para uma mãe solteira, é sempre melhor eliminar os pregos logo no início, com todo respeito.

Padrasto é um cara que começou a sair com uma mãe solteira e penou para lidar com os dias em que ela poderia sair. Porque não é sempre que a criança está com pai, avó ou babá, então nem sempre a mãe solteira consegue pôr os pés pra fora de casa. O padrasto é um cara que quis sair com a moça e esperou chegar um dos dias em que ela podia sair.

Teve dias em que ele foi buscar a moça em casa e ela estava toda linda e maquiada pro date. Mas teve dias em que ele chegou e a criança estava por lá e o programa miou. Coisas acontecem: babá furou, o pai mudou o dia, a avó não pôde cuidar. E teve também o dia em que o padrasto chegou para buscar a moça, que estava arrumada e com babá em casa, mas a criança estava com uma dor de ouvido tão grande que os três passaram a noite no pronto-socorro.

Padrasto é um cara que passou a fazer mais dates dentro de casa que fora de casa. É um cara que passou a fazer jantares para a namorada enquanto os pequenos dormiam. E que aprendeu a fazer sexo sem fazer nenhum barulho. E também a ser interrompido sem reclamar caso a criança chamasse, porque filho está sempre em primeiro lugar.

Padrasto é um cara que foi apresentado para a criança e recebeu de volta uma cara feia de “qualéquié”. E aí teve que fazer vários malabarismos para conquistá-la. E depois começou a incluir a criança nos dates: restaurantes com cadeirão, tarde de domingo na praia, parquinho no sábado de manhã, tudo para deixar a namorada feliz e poder passar mais tempo com ela.

Padrasto é um cara que, mesmo sem nenhuma criança por perto na família, se viu um dia discutindo desfralde noturno ou melhores produtos para higiene infantil com os culegas da firma – e ele nem sabia que tinha tanto conhecimento nesses assuntos. E, sem perceber, se viu tão envolvido com a criança quanto com a mãe dela.

Padrasto é um cara que pediu uma mãe solteira em casamento, ou seja, pediu para morar junto com a namorada e com a criança. Ele adotou uma família. Padrasto também é um tipo de papai adotante.

Nós não somos princesas, que precisam necessariamente se casar com um príncipe encantado para serem felizes para sempre. Mas é muito legal quando aparece alguém bacana na nossa vida.

Anúncios
Etiquetado ,

2 pensamentos sobre “Padrasto

  1. Márcia Cordeiro disse:

    Ai Ruri… que texto mais lindo foi esse?
    Emocionei…
    Já disse sim para “O” Padastro?
    rs
    Sejam muito felizes!

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: